Ex-atacante do Paysandu tem pena ampliada por doping e só volta em 2020

Walter vai ter que ficar mais um ano longe dos gramados

Por Carlos Augusto Matos

Suspenso preventivamente no início do ano por uso de Sibutramina, medicamento que serve para perda de peso, o atacante Walter voltou ao olho do furacão. Com sua pena finalizando no último dia 4, a Procuradoria do Tribunal de Justiça Antidopagem ampliou a pena do atleta para mais um ano. Assim, o jogador ficará longe dos gramados por mais um ano, voltando somente em julho de 2020.

Walter defendeu o Paysandu na temporada passada, onde esteve em campo em 12 jogos e marcou três gols. Deixou o Lobo, após receber proposta do CSA.

Foto: Ascom Goiás