Opinião: Qual João vai comemorar no Re-Pa?

Na tarde deste domingo ocorrerá o primeiro clássico Rei da Amazônia de 2019, entre Clube do Remo e Paysandu. Duelo muito aguardado pelos torcedores, ainda mais por tudo o que as duas equipes estão vivenciando neste primeiro momento da temporada. 

Pelo lado bicolor, a torcida segue desconfiada pelo futebol que a equipe comandada por João Brigatti vem apresentando. Ainda mais depois do empate sem gols com o Castanhal, quando todos esperavam uma vitória como ocorrera nos últimos anos. E o Papão vai entrar em campo ainda mais pressionado devido aos quatro jogos que saiu de campo na temporada passada sem vencer o Leão. 

O técnico João Brigatti tratou de tentar acabar com a pressão afirmando que o que aconteceu no passado ficou lá. 

“Ano passado foi ano passado. Estamos em outra situação, focados nesse primeiro jogo contra o Remo, que é uma equipe que vai nos trazer muita dificuldade, sim, mas que temos que superar”, disse o treinador. 

Já pelo lado azulino, a torcida está desconfiada pela desclassificação do time na Copa do Brasil para o modesto Serra, do Espirito Santo, em que o time jogou de forma apática devido ao esquema errado que João Neto montou para o duelo. Atuar com três volantes e jogar com regulamento debaixo do braço é suicídio e o Leão se enforcou no torneio nacional que vai prejudicar a equipe de forma financeira. 

Devido a esse insucesso a equipe azulina também vai entrar em campo pressionada por um resultado positivo, que apagaria um pouco a imagem ruim que deixou na última semana. Para isso, os jogadores terão que superar essa desconfiança e mostrar ao torcedor que o elenco é de qualidade. O volante Vacaria sabe disso, e afirmou em entrevista coletiva que a equipe precisa dar uma resposta imediata. 

“Sabemos que devemos uma resposta imediata ao torcedor, mas também sabemos que será um jogo bastante difícil, se tratando de um clássico. Se eu tiver a oportunidade, vou dar o meu melhor, mas sei que quem entrar em campo também fará um bom trabalho”, disse o volante. 

Portanto, que logo mais possamos ver um grande espetáculo e que vença o que menos errar. Re-Pa ocorrerá às 16h, no estádio Mangueirão liberado para receber 35 mil torcedores, fechando a 4ª rodada do Campeonato Paraense 2019. 

Foto: Ascom Remo e Paysandu

Deixe seu comentário aqui