"Talvez tenha faltado competência", diz o presidente bicolor, Tony Couceiro

Paysandu precisava de uma vitória simples para se manter na Série B, mas acabou sendo goleado

Presidente Tony Couceiro assume a culpa pelo rebaixamento bicolor
Foto: Fernando Torres/Ascom Paysandu

OFutebolista.net

Precisando apenas de uma vitória simples para escapar do descenso, o Paysandu acabou levando uma goleado do Atlético-GO na Curuzu e, consequentemente, rebaixado para a Série C do Campeonato Brasileiro. O presidente Tony Couceiro assumiu a culpa e reconhece que faltou competência. 

"Eu dei o meu melhor, os atletas não podem reclamar de nada, talvez tenha faltado competência. Se tem um culpado sou eu, e isso eu não divido com ninguém. Eu que dou o aval para contratações", disse o mandatário. 

'Um bando de garotos inconsequentes', diz Luiz Omar sobre a 'Novos Rumos'

Paysandu termina a Série B do Campeonato Brasileiro na 17ª colocação com 43 pontos. Soma em 38 jogos dez vitórias, 13 empates e 15 derrotas. Marcou 42 gols e sofreu 53. Termina a competição com 37,7% de aproveitamento.
Compartilhe no Google Plus

O Futebolista

    Comente
    Comente no Facebook

1 comentários :

Unknown disse...

Acho que faltou competência por parte de quem dirigiu o Paysandu, se mostrou um grande amabor pra lhe dá com o futebol, portanto a culpa e exclusiva de toda essa diretoria e mais ninguém