Remo: Fernandes não aceita redução salarial e está fora dos planos

Volante não aceitou a metade do salário que recebia alegando custo de vida alto em Belém

Foto: Samara Miranda/Ascom Remo

OFutebolista.net 

A nova diretoria do Clube do Remo está trabalhando para não cometer os erros de gestões passadas que deixaram contas gigantescas no clube por pagar salários altos aos jogadores e não conseguir honrar com seu compromisso. Devido a isso, o volante Fernandes não vai voltar a vestir a camisa do Clube do Remo em 2019. 

Tudo porque seu salário é muito alto para a realidade financeira do clube. O executivo de futebol azulino, Luciano Mancha, chegou a oferecer a metade do que Fernandes recebeu na atual temporada, mas o atleta recusou alegando que o custo de vida em Belém é muito alto. 


Fernandes afirmou que já negocia com outros clubes e desejou sorte ao Clube do Remo na próxima temporada. Em 2018, o volante esteve em campo em 19 partidas e não marcou gols. Ajudou a equipe a conquistar o Campeonato Paraense e permanecer na Série C do Campeonato Brasileiro. 
Compartilhe no Google Plus

Carlos Augusto Matos

    Comente
    Comente no Facebook

0 comentários :