Diretoria bicolor cobrou de Dado Cavalcanti sobre formação utilizada nos dois jogos fora de casa

Treinador insiste em escalar a equipe com três zagueiros

Papão voltou para casa sem pontuar
Foto: Jorge Luiz/Ascom Paysandu

OFutebolista.net

O Paysandu retornou aos trabalhos na manhã desta segunda-feira, no estádio da Curuzu, já visando duelo contra o CSA, no próximo sábado. E para essa partida, o técnico Dado Cavalcanti não vai poder utilizar o meia Thomaz e o atacante Claudinho. Ambos receberam terceiro cartão amarelo e, consequentemente, estão suspensos. 

As duas últimas derrotas na Série B para Criciúma e Goiás, ambos na zona de rebaixamento, não foi vista com bons olhos pela diretoria bicolor. Tanto que ainda em Goiânia, os dirigentes bicolores cobraram sobre a postura do time em campo e, principalmente, sobre a formação de 3-4-3 que vem sendo utilizado pelo treinador desde o início da competição. 

Na mídia esportiva paraense, a principal critica ao técnico Dado Cavalcanti é sobre a insistência em um esquema que não está fazendo a equipe evoluir, tanto que, devido a isso, o time caiu de 3ª para a 8ª colocação na competição. 

Paysandu volta aos trabalhos visando duelo contra o CSA

Paysandu recebe a visita do CSA no próximo sábado, dia 16, no estádio da Curuzu, às 21h, fechando a 11ª rodada da Série B. 
Compartilhe no Google Plus

O Futebolista

    Comente
    Comente no Facebook

0 comentários :