Santa Cruz rescinde contrato com jogador paraense e meia ex-Paysandu

Volante paraense Ilaílson e o meia Daniel Sobralense, ex-Paysandu, não fazem mais parte do elenco da cobra coral

Ilaílson defendeu a equipe em apenas seis jogos
Foto: Ascom Santa Cruz

Por O Futebolista

Sem chegar na decisão do Campeonato pernambucano, o elenco do Santa Cruz passa por uma reformulação e sobrou para o volante paraense Ilaílson, ex-Remo e Paysandu e o meia Daniel Sobralense, ex-Papão. Ambos tiveram seus contratos rescindidos de forma amigável. O vice-presidente do clube, Felipe Rego Barros, confirmou o desligamento dos atletas. 

"Fizemos nosso ciclo de avaliações e achamos importante nos posicionarmos para esclarecer a situação. Alguns jogadores que estavam integrados ao elenco não fazem mais parte para a Série C, como Paulo Henrique, Renato Silveira, Ilaílson e Daniel Sobralense. É bom deixar claro que esses atletas foram profissionais e dedicados no Santa. Ninguém saiu por falta de comprometimento ou disciplina", disse o dirigente. 

Ilaílson esteve em campo em apenas seis jogos, sendo três pelo pernambucano e três pela Copa Nordeste. Soma apenas 261 minutos e não marcou gols. O volante paraense já passou por Clube do Remo e Paysandu. 

O meia Daniel Sobralense esteve em campo em nove jogos, sendo um pela Copa do Brasil, cinco pelo pernambucano e três pela Copa do Nordeste. Foram 529 minutos e não marcou gols. Sobralense defendeu o Paysandu na temporada passada. Segundo o dirigente do Santa Cruz, a rescisão de contrato com essas atletas já estava programado. 

"Já tínhamos programado a saída dos atletas para a primeira semana de abril. Como fomos eliminados prematuramente do Campeonato Pernambucano e encerramos a participação na fase de grupos da Copa do Nordeste, já tínhamos planejado os desligamentos. Não estamos fazendo isso de forma intuitiva ou com achismo. Não existe vassourada. A decisão foi tomada em conjunto com a comissão técnica e o departamento de análise de desempenho do clube. Entendemos que esses jogadores não se adaptaram ao sistema de jogo e de trabalho do técnico (Junior Rocha)", finalizou. 
Compartilhe no Google Plus

O Futebolista

    Comente
    Comente no Facebook

0 comentários :