Atacante se isola na artilharia do Paysandu na temporada

Com os dois gols marcados contra o Interporto-TO, Cassiano chega aos cinco tentos neste início de temporada

Cassiano é o artilheiro bicolor no Parazão e na Copa Verde
Foto: Fernando Torres/Paysandu


Por Carlos Augusto Matos
@CarlosMat0s


O Paysandu não teve dificuldades para golear o Interporto-TO e avançar na Copa Verde. O adversário até que chegou a assustar em alguns lances, mas o domínio bicolor resultou no placar elástico. Por outro lado, o jogo serviu para o torcedor bicolor ver que a equipe desta temporada tem um novo artilheiro. 

Com dois gols na noite de ontem, o atacante Cassiano se isolou na artilharia do Papão neste início de 2018 com cinco gols. Antes ele tinha marcado três gols pelo Campeonato Paraense. Atrás dele está o meia Pedro Carmona, com três e que também deixou sua marca na noite da última terça-feira, na Curuzu. 

Já o técnico Dado Cavalcanti comemorou a classificação e afirma que a equipe evoluiu em relação ao jogo contra o Parauapebas. 

"Sempre falo que a repetição leva à evolução. Não tive dificuldades para repetir a escalação, apenas teve a troca do Marcão pelo Renan. A equipe melhorou, evoluiu. No jogo passado citei que criamos, mas a bola acabou não entrando. O índice de acerto ofensivo foi maior. Talvez criamos menos, mas com um bom poder de fogo, foi proveitoso, fizemos quatro gols. Nesse quesito evoluímos, mantivemos a consistência e tivemos equilíbrio enfrentando um adversário que esperava o nosso erro", analisou o treinador. 


Outro que comemorou a classificação foi o atacante Walter, que estreou com a camisa Lobo com vitória após meses sem atuar. 

"Depois de tantos meses sem jogar, voltar a fazer o que gosto e com essa torcida gritando meu nome é bom demais! Só tenho a agradecer à torcida, ao professor, à comissão e à diretoria do Paysandu, que acreditaram no meu futebol. Poucos sabem a luta que estou passando. Fiquei trancado na concentração durante o carnaval. Agradeço ao clube e também à minha esposa. Todos têm me ajudado muito para que este seja o meu ano e o ano do Paysandu", disse o atacante que chegou ao Paysandu com 100 kg e já perdeu 5 kg depois de 20 dias de treinamento. 

Agora o Paysandu troca o chip e direciona suas atenções para o Campeonato Paraense. No domingo, dia 25, recebe a visita do Castanhal, às 16h, pela 7ª rodada da competição. 
Compartilhe no Google Plus

O Futebolista

    Comente
    Comente no Facebook

0 comentários :