"Não podemos mais montar times de qualquer jeito", diz Milton Campos

Enfim, os novos diretores foram apresentados no Clube do Remo

Milton Campos ao lado do presidente Manoel Ribeiro - Foto: Samara Miranda/Remo

Por O Futebolista

A novela acabou e assim o Clube do Remo apresentou seus novos diretores para a temporada 2018. O deputado Milton Campos, o advogado Miléo Júnior e o ex-diretor da base Paulinho Araújo são os novos diretores de futebol do Leão. Para o trio o foco agora é contratar um Executivo de Futebol onde, nos bastidores pelo Baenão fala-se no ex-jogador do Remo, Maico Gaúcho, que está no Cuiabá e também em Gustavo Mendes que passou por diversos clubes do Brasil, mas no momento está sem equipe. 

Miléo Júnior prometeu se dedicar ao máximo pelo clube para que conquiste seus objetivos em 2018, ou seja, títulos e o acesso à Série B do Campeonato Brasileiro. Afirmou que o Leão vai resgatar seu programa de sócio-torcedor como uma forma de não atrasar os salários dos jogadores e funcionários e, também, reconquistar a credibilidade da instituição. Já Milton Campos afirmou que um elenco forte precisa ser montado, porém, com responsabilidade. 
"Nós estamos tomando posse agora. Já fizemos um trabalho um pouco antes, das rescisões. Uma boa parte do elenco já foi feita as rescisões e as outras ainda serão feitas. Não podemos montar um elenco sem saber quanto temos de receita. Por isso temos agora o Haroldo Picanço como diretor financeiro do departamento de futebol. Não podemos mais montar times de qualquer jeito ou dependendo apenas da renda dos jogos", disse o deputado. 

Segundo a diretoria, o executivo de futebol pode ser anunciado nos próximos dias. Já o treinador, ao que tudo indica, será Ney da Matta. Após a chegada de ambos que será iniciada a montagem do elenco para a próxima temporada. A ideia é que o grupo se apresente no dia 4 de dezembro para iniciar o primeiro momento de pré-temporada. 



Compartilhe no Google Plus

O Futebolista

    Comente
    Comente no Facebook

0 comentários :