Blog do CAM: Panorama do Paysandu na Série B

Time bicolor conquistou sua segunda vitória consecutiva - Foto: Ascom Paysandu
Por Carlos Augusto Matos
@CarlosMat0s


O Paysandu venceu mais uma partida em casa na Série B do Campeonato Brasileiro ao bater o Guarani, de virada, na Curuzu, na noite da última terça-feira, dia 26. Esta é a segunda vitória consecutiva do Papão em casa. Conseguiu esse feito apenas na primeira e terceira rodada, quando venceu o Oeste por 2 a 0 e o Internacional por 1 a 0. De lá para cá, venceu apenas o Náutico na 15ª rodada. 

Mesmo com essas vitórias, o Paysandu segue tendo um dos piores ataques da competição. É o sexto pior com 27 gols marcados. O mais fraco é do ABC, com 16 tentos e o melhor é do Internacional com 39. Percorrendo por um caminho diferente, a defesa bicolor é uma das melhores. É a 8ª melhor, com 26 gols sofridos. A mais vazada é do Londrina com 39 tentos sofridos e a melhor é do América-MG com 16. 

Outro dado do Paysandu até esta 26ª rodada da competição, é o sexto time que mais perdeu na competição, com 11 derrotas. O Náutico é o saco de pancadas no Campeonato com 16 derrotas. O Papão é o terceiro time mais indisciplinado com 73 amarelos, tendo o CRB e ABC, respectivamente, como os piores. Lateral Perí é o mais indisciplinado no Papão. Ele já recebeu dez amarelos. Só perde para Zé Antônio, do Figueirense com 13. 

O artilheiro da Série B é o atacante Jonatas Belusso, do Londrina, com 11 gols, porém, com gol marcado diante do Guarani, Bergson chegou ao oitavo tento e é o sexto na artilharia. No quesito assistências, Marcão é o melhor posicionado com três. 

O Paysandu é o 12ª colocado com 33 pontos, quatro a mais que o Figueirense, primeiro na zona de rebaixamento e 12 a menos que o Vila Nova, última na zona de classificação para a elite do futebol brasileiro. Em 26 partidas disputadas, o Papão soma nove vitórias, seis empates e 11 derrotas. Marcou 27 e sofreu 26 gols. Tem um aproveitamento de 42,3%. 

Compartilhe no Google Plus

O Futebolista

    Comente
    Comente no Facebook

0 comentários :