Atacante paraense vai defender time chinês

Chapecoense anunciou a venda de Rossi para o Shenzhen, da segunda divisão da China

Foto: Divulgação/Chapecoense

Por O Futebolista

A Chapecoense anunciou a venda do atacante paraense Rossi, de 24 anos, para o futebol chinês. O jogador vai defender o Shenzhen da segunda divisão da China. O paraense foi vendido por 3,4 milhões de euros (R$ 12,4 milhões) e assinou contrato de três anos e meio. 

A Chapecoense conta com com 70% dos direitos econômicos de Rossi, assim lucra com a negociação cerca de R$ 8,5 milhões. O atacante natural de Prainha, interior paraense, disputou 35 jogos com a camisa da Chape, onde marcou sete gols. Conquistou apenas um título; o Campeonato Catarinense de 2017. 

O atleta já passou pelas divisões de base do Flamengo, Fluminense, Ponte Preta e também passou pela base do São Raimundo. Contratado em 2016 pelo Goiás, esteve em campo em 31 oportunidades, onde foi titular 29 vezes. Foram 2.435 minutos vestindo a camisa do Esmeraldino e marcou nove gols, sendo um dos artilheiros do time na competição. Na temporada passada balançou as redes adversárias 11 vezes, porque defendeu o São Bento no Campeonato Paulista também. 
Compartilhe no Google Plus

O Futebolista

    Comente
    Comente no Facebook

0 comentários :