"Temos que mostrar nosso valor", diz Augusto Recife

Para o volante, o time a ser batido nesta edição da Série B é o Internacional

Foto: Fernando Torres/Paysandu

Por O Futebolista

O Paysandu chega ao último dia de preparação para duelo contra o Internacional, válido pela terceira rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, que será disputado em Belém. O Papão terá pela frente o time que é considerado uma das forças do futebol nacional, tendo o maior investimento na segunda divisão, tendo um elenco com folha salarial de R$ 7 milhões, enquanto isso o Lobo carrega uma folha de R$ 500 mil. Para o volante Augusto Recife, o Colorado é o time a ser batido na competição. 

"O time a ser batido é o Internacional. É o mais visado. Tem a maior folha salarial da Série B. Todo jogador gostaria de jogar contra e a favor. Vai ser um jogo de visibilidade para nós e temos que mostrar o nosso valor. Nada melhor que um jogo como esse, igual como foi contra o Santos, e espero que amanhã possamos desempenhar um bom futebol", disse o jogador. 


Em retrospecto geral no duelo entre Paysandu e Internacional, foram 12 jogos, sendo apenas duas vitórias do Papão, dois empates e oito vitórias do Internacional. No quesito gols, foram oito para o lado bicolor e 19 para o Colorado. 


Paysandu e Internacional se enfrentam no sábado, dia 27, no Estádio do Mangueirão, em Belém, às 16h30, pela terceira rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. 
Compartilhe no Google Plus

O Futebolista

    Comente
    Comente no Facebook

0 comentários :