Diretoria azulina confirma dispensa de dois jogadores

Meias Danilinho e Ronny foram dispensados e o atacante Nano Krieger não terá seu contrato renovado

Danilinho foi dispensado ao lado de Ronny - Foto: Fábio Will/Remo

Por O Futebolista

Após o empate contra o Cuiabá, no Mangueirão, em que a equipe do Clube do Remo teve uma atuação abaixo do esperado, o diretor de futebol Marco Antônio 'Magnata' afirmou que do dez contratados para a Série C, de cinco a seis seriam dispensados. Mas em coletiva realizada na manhã desta terça-feira, o dirigente confirmou a dispensa dos meias Danilinho e de Ronny, e mais a não renovação de contrato do atacante Nano Krieger. 

"Ontem (segunda-feira) em reunião com a diretoria, com o presidente, vice-presidente e comissão técnica, em virtude dos três jogos desses atletas, decidimos em comum acordo, dispensar os atletas: Os meias Danilinho e Ronny, e como o contrato do atleta Nano Krieger termina no próximo mês, e ao Remo não interessa renovar, ele também é outro que não permanecerá, mas o caso do Nano é de não renovação, não é dispensa", disse o dirigente. 

Magnata afirma que essa semana nenhum jogador será dispensado, porém, dependendo da atuação da equipe diante do Confiança, na segunda-feira, dia 5 de junho, em mais uma rodada da Série C, a lista pode aumentar. 


"Essa semana não haverá mais dispensas, mas o futebol é muito dinâmico então vai ficar em aberto. Vamos aguardar o jogo contra o Confiança para ver como a equipe se comporta e mais lá na frente, quem sabe, poderá ocorrer mais dispensas", finalizou. 

Clube do Remo foca as suas atenções para duelo contra o Confiança, na próxima segunda-feira, dia 5 de junho, no Estádio Lourival Baptista, em Aracaju, Sergipe, às 21h, fechando a 4ª rodada do Grupo A da Série C do Campeonato Brasileiro.
Compartilhe no Google Plus

O Futebolista

    Comente
    Comente no Facebook

2 comentários :

MARCIO PIRATA disse...

indiguinado com esse técnico buceta e essa diretoria de merda ..Tai pra vcs 👉👌👉👌👉👌

Unknown disse...

Será possível que essa diretoria não enxerga a merda que esse técnico está fazendo, desde a briga que teve com o Eduardo Ramos o clima não é um dos melhores. O Eduardo Ramos voltou mais sabe Deus se esse técnico burro vai querer colocar ele como titular. Nada a ver a dispensa do Nano o cara nem tinha oportunidades diretas.